sexta-feira, 28 de agosto de 2015

SUMA DE MIM

 SUMA DE MIM
Eri Paiva

Saias da minha vida, para sempre,
É o que eu, de fato, devera te dizer
Mas estás tão forte em meu presente
Que pensar em ti é o que me faz viver!

Até quando te guardarei comigo,
Nesta ânsia louca, sem fim, de te querer?
Até quando tu te farás meu castigo
Sem te dares conta deste meu sofrer?

Não quero, em outros braços, te imaginar,
Mas também não quero teu amor mendigar
Tão certa estou que falta não te faço...

Assim sendo resolvo e decidido está,
Não vou e assumo, nunca mais te amar!
Já tenho outro rondando o meu espaço.

Eri Paiva - Em 13. 07. 2014



Enviado do meu iPad
Exibições: 10

Nenhum comentário:

Postar um comentário